Fim de How I Met Your Mother + 5 motivos pra você assistir

Se você ainda não viu o fim de How I Met Your Mother e quer desesperadamente saber o fim, leia esse texto até o fim. Saiba que esse texto terá o máximo de spoilers possíveis, então não reclame.

O último episódio da série foi um episódio duplo (23-24) da nona temporada. Foi transmitido pela CBS segunda feira (31-03-14), e marca o fim de uma das séries mais queridas dos últimos tempos.

Resumo: o episódio começa em 2005, onde o grupo (Ted, Barney, Lily e Marshall) acabam de conhecer Robin, e Lily percebendo que Ted e Barney estariam interessados nela faz com eles prometessem com que só ficariam com ela se casassem com Robin: no tempo atual Barney acaba conseguindo.

Barney e Robin estão se casando e Ted finalmente vê sua futura mulher, porém ele tem que pegar um trem para se mudar para Chicago. Acaba que o trem atrasa 45 minutos e Ted a conhece no ponto de partida do trem, e por ela, decide ficar em NY.

Em 2015, Ted está planejando um casamento grandioso e descobre que vai ser pai, e como sua mulher quer caber no vestido, só se casa sete anos depois. Barney e Robin se divorciaram depois de três anos de casados. Robin virou uma correspondente internacional e o relacionamento dos dois estava enfraquecido.

Lily e Marshall tem mais um bebê – o terceiro. Depois de algum tempo Marshall é convidado para ser juiz novamente. Robin ainda possui sentimentos por Ted e não se sente bem ao vê-lo com sua mulher na festa de Halloween.

2018 – Barney, Lily e Ted ainda se encontram no Mc’ Larens, porém, eles já não são os mesmos e não passam das 22h no bar. Barney acaba criando um novo Playbook e continua mulherengo, acaba engravidando uma mulher e tem uma filha, quando a pega no colo descobre que esse bebê é o amor da vida dele.

Ted acaba de contar a história de como conheceu a mãe de seus filhos para eles. No fim descobrimos que a mãe adoeceu e acabou falecendo. Sua filha entende que como sua mãe mal aparece na história, Ted está pedindo permissão para eles, seus filhos, para voltar a ver Robin. Com a permissão concedida, o episódio acaba com Ted com um trompete azul na casa de Robin.

O que eu achei – Fiquei pensando, e no fim não tenho uma opinião concreta. Não gostei do fato do Ted ter que correr atrás da Robin sempre, mas entendo que ela era o amor da sua vida. Mesmo assim, o último episódio não parece característico de HIMYM, com cenas mais dramáticas do que com comédias. Mas vendo com outros olhos, isso pra mim é real e pode acontecer na realidade. Pra terminar, vou parafrasear o pessoal do Insubs: não importa o destino, o que importa é a jornada, e Ted realmente mostrou sua jornada, com altos e baixos, de um jeito diferente de todos. Sua história foi contada da melhor maneira possível e isso faz da série uma das quais não vou esquecer. Então, pra quem não gostou do final, simplesmente veja o que a série conseguiu passar até o penúltimo capítulo. Tenho certeza que apesar do fim, a série foi marcante para todos.

Por último, vou deixar 5 motivos do porque você deve assistir HIMYM:

1 – A linguagem em que a série é transmitida. Todos conseguem entender e acaba sendo acessível para todos os públicos. Adoro a linguagem de todos os personagens, e acaba sendo uma série desde para “crianças” até para senhores.

2 – Os personagens: cada um muito bem definidos, com uma missão no grupo. Ted é o romântico, que vê o mundo cor de rosa. Ele é daqueles que quer casar, ter dois filhinhos, uma casa, um cachorro e uma esposa e não cansa até conseguir. Lily é a líder, tem a cabeça aberta mas tudo muito claro. Marshall é o caipira, quer um mundo melhor. Barney é o cafajeste, que só quer as coisas ao seu benefício e Robin é a estrangeira, que tem que se adaptar a vida americana.

3 – Nada fica solto. Tudo que é jogado depois é revisto e amarrado. Nenhum fio é desatado e tudo tem um porque. Talvez você nem lembra mais, mas depois de 2 ou três anos a história volta e te conta o fato real. Menos a história do abacaxi, vamos morrer sem saber do abacaxi.

4 – Tapas, sem comentários.

5 – Aproxima-se da realidade. Talvez não da brasileira, mas muitas coisas você se identifica. Talvez tenhamos amigos parecidos, talvez vivemos situações parecidas, o que deixa a história melhor. A graça tem mais graça e o drama fica mais dramático. Ted conta uma história em que tudo é possível.

Bom, é isso. Eu recomendo muito essa série. Vai deixar saudade. Pena que acabou =(

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s