Confissões de uma ex viciada em blogs de beleza

macHahaha. Gostaram do título? Hoje vim falar o porque “parei” não parei tanto assim de acompanhar blogs de beleza. Quando o youtube teve a febre de gurus de beleza, ensinando técnicas de make up eu basicamente não tinha vida. Comecei a seguir quase todos os canais famosos e via todos os dias os vídeos novos e velhos. E quando descobria algum canal legal, passava a noite vendo todos, juro por Deus, TODOS os vídeos existentes.

Gente, fiz isso por muito tempo. Aprendi técnicas novas a cada dia. Via as combinações das cores, os lançamentos da marcas, as marcas mais disputadas do mercado, etc. E essa  época, eu confesso, foi o período que gastei minha vida com mais coisas inúteis. Claro que nem tudo é inútil, mas eu era tão vidrada que via vídeos de makes sem ter o porque reproduzir. Eu passei de uma pessoa que não sabia uma marca de maquiagem a MEU DEUS, ME SEGURA, EU QUERO TUDO.

E comecei dar valor a coisas que não são tão importantes assim. Fiquei meio fútil, só pensando em produtos e mais produtos e mais produtos. Óbvio que não tinha e ainda não tenho dinheiro para comprar tudo que as gurus mostravam, mas eu ficava pensando como poderia ter os produtos. E cada vez mais minha wishlist crescia. E minha frustração por não ter alguns produtos aumentava. Passei de uma pessoa “nossa, um batom não vale R$20,00” á “Um batom da MAC por R$75 reais tá barato”. E aí você percebe como a mídia influencia sua mente.

Aos poucos, fui percebendo que todas as garotas publicavam quase as mesmas coisas, que recebiam produtos da assessoria para descrevê-los e que ganhavam para aquilo. Hoje eu confesso que percebi o quão difícil é sustentar um blog, é muito trabalhoso. Mas todos os blogs não tinham um diferencial. Falavam a realise que recebiam, davam uma nota e pronto, faziam as mulheres venderem o rim pra comprar os produtos. Eu decidi excluir minhas inscrições no youtube e reader e percebi que era muito mais feliz com as coisas que eu tinha.

Hoje, sinceramente, ainda dou uma espiada em alguns blogs, porém, todos tem que haver uma coisa diferente pra conseguir a minha visita. As gurus que mais gosto são as mais simples, que não se auto promovem. Elas indicam um produto como uma dica que está contando pra uma amiga e dão opiniões sincera sobre os produtos. Não vejo mal algum ganhar para publicar no blog sua opinião sobre o produto, desde que ela seja sincera.

Muitas blogueiras perderam a credibilidade indicando serviços, lojas, produtos que não são confiáveis. Então, se é como eu era, reveja se isso é mesmo importante pra sua vida. Se saber o último lançamento é realmente uma prioridade. Se pagar por um batom que ninguém saberá a diferença da marca na sua boca vale a pena.

Não estou dizendo pra parar de acompanhar ninguém, aprendi muito com gurus do youtube. Apenas que eu estava mal por não ter coisas que elas tinham, querendo produtos materiais pra recuperar a minha auto estima, e quanto menos conseguia piorava. Por isso, acompanhe pessoas que ensine coisas úteis pra você, que façam você descontrair quando estão vendo os vídeos, que compartilham experiências de vida e que te façam mais felizes e não as que te bitolam com coisas fúteis, que no fundo não fazem a menor diferença. E apenas seja feliz!  =)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s