Viciadas em Séries #11: Julie e os Fantasmas

f_68720

Exibida em 2011 pela Band e depois pela Nickelodeon, Julie e os Fantasmas foi um seriado juvenil com apenas uma temporada. Conta a história de Julie, que tem 15 anos e como qualquer adolescente possui conflitos.  Julie, acidentalmente coloca um disco antigo para tocar e liberta três fantasmas: Daniel, Martim e Félix. Eles tinham uma banda, porém, morreram em um acidente trágico. Juntos com Julie formam Os Insólitos, uma banda de rock. A série possui várias participações especiais como Fresno, NxZero, Caique Nogueira (ex colírio capricho, alguém lembra o que é isso? Rsrs) e Manú Gavassi, Reinaldo Zavarce (de Isa TKM), entre outros.

Eu não assisti quando a série foi exibida na Band ou na Nick, estava na faculdade. Mas agora que vi que tinha na Netflix, vi em uma tacada só (na verdade foram 3 tacadas). Eu sei que já passei da idade de ver essa série, que destina-se a  crianças e pré-adolescentes, mas nunca é tarde nessa vida. Escolhi assisti-la principalmente por ter apenas uma temporada, com 26 episódios, pois sei que saberei o fim da história.

A série até que é legal e boa para ser brasileira. É uma série que tem músicas, mas não chega a ser musical. O que mais me incomoda das músicas é o play back meio mal feito, e a música ser meio “suja”. Apesar do produtor musical ser o Rick Bonadio =(

Mas, a história é legal. Diferentemente de malhação, que tenta explorar outro lado da história como drogas, traição, pais separados, rivais, etc, Julie e os fantasmas aborda um lado mais singelo, com uma história mais real que se mistura com a fantasia, a parte dos fantasmas, é claro. Qualquer adolescente se identifica com a vida de Julie, como gostar de um garoto que não sabe seu nome ou querer formar uma banda, quem nunca?

O que me decepcionou foi o fim. Ele foi – ah tá, sério, que sem graça. Sabe quando você lê um livro, vê uma novela ou série e fica assim: -Não! O OUTRO. Ele gosta de você. Fica com o OUTRO. Não com esse panaca. O fim foi mais ou menos assim.

Destaque para o Pedrinho (irmão nerd mais novo de Julie) e o Valtinho (amigo do garoto que Julie gosta), que na minha opinião, foram os melhores. Além de sua amiga Bia, que está atuando a Tábata em Sangue bom. Outro que está lá é Pedro Inoue (Valtinho), como Douglas na novela das 6 hras.

Abaixo, transcrevi um dialogo do episódio 11 – A Melhor Aluna da Escola:

Félix: Como assim dar um tempo com a banda?

Martim: Mas agora, logo agora?

Julie: Eu preciso me concentrar nisso daqui (livro), eu tenho que ir bem na semana de provas.

Félix: A gente não vai tocar…

Martim: Gravar….

Félix: Fazer show?

Julie: Gente, se eu ficar de recuperação vai ser muito pior. Meu pai já falou que vai trancar a edícula com todos os instrumentos dentro.

Martim: E agora, o que que a gente faz?

Julie: Agora eu vou estudar.

Daniel: Eu tenho uma ideia melhor. Você vai colar.

Julie: Eu? Colar?

Daniel: É! A gente olha o gabarito, entra na sala no meio da prova e te passa as respostas.

Félix: Isso, perfeito, ótimo.

Martim: Tá resolvido. Agora você larga esses livros e vamos tocar vai.

Julie: Quem disse que eu quero colar.

Martim: Você não quer?

Julie: Não!

Daniel: Por que não?

Julie: Porque é errado.

Daniel: Porque é errado? E desde quando isso é argumento?

Abaixo o CD de Julie e os Fantasmas:

E essa é uma foto dos atores sem maquiagem, depois do fim da série. O “Félix” é bem diferente né?

392376_297521980337332_797183959_n

Bom, tirando o play back mal feito e o fim sem graça. Vale:

3,5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s