Para Ler #9: Simplesmente Ana

SimplesmenteAnaAna é uma mineira de 20 anos, filha única, estudante de direito, que um dia, ao abrir seu facebook, descobre que é filha do Rei da Krósvia, um pequeno país do sudeste europeu. Seu pai, que veio ao Brasil para um encontro diplomático com a Presidente, acaba por ver Olivia, mãe de Ana, cozinhando no programa da Ana Maria Braga e, é então, que descobre que tem uma filha.

Agora o Rei Andrej deseja passar mais tempo com sua filha e pede que ela se mude, pelo por um semestre, para seu reino. Lá, Ana descobre que ser uma herdeira inesperada pode trazer muitos problemas, principalmente com o insuportável do enteado de Andrej, Alex. Só que as aparências pode enganar…

E agora Ana terá de descobrir se quer ficar mesmo no Brasil ou se mudar pra Krósvia…

A minha primeira impressão do livro: “Diário da Princesa 1, o filme”, e “Diário da Princesa 2, o filme”. Fiz a ressalva do filme porque quem leu sabe que os filmes e os livros são bem diferentes. Agora pegue uma brasileira no papel da Mia,envelheça-a um pouco, transforme-a em uma princesa do dia para a noite e faça-a se mudar para um país do leste europeu (Genóvia, por exemplo?). Não, esse não é o roteiro dos referidos filmes, é o roteiro do livro. Semelhanças? Nenhuma! (Ironia, ok?)

Tirando a falta de originalidade, o livro é muito bom. Sua leitura é fluída, o romance com o Alex é ok (nada de espetacular) e as situações em que Ana se mete são muito divertidas. A autora faz toda hora referências à cultura brasileira, como a dita Ana Maria Braga, pão de queijo, feijoada e Jota Quest (Amo!). Li esse livro em menos de 4horas e, é realmente engraçado imaginar uma brasileira nessa situação.

A capa é linda e, apesar de dar esse tom meio “místico” à história, ela realmente segue a linha de “O Diário de uma Princesa”

Se a autora, Marina Carvalho, não tivesse se inspirado tanto (taaaaaaaanto) em Meg Cabot (ela chega até a citá-la no livro), mais precisamente nos filmes, ela ganharia meia estrelinha a mais.

— Cara, você conhece o Jota Quest!
Alexander estava se divertindo. Não deu bola
para meu espanto, respondendo casualmente:
— Quem não conhece? Eles são ótimos!

4

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s